A Terapia

A Terapia funciona com pequenos grupos semanais ou sessões individuais, através de exercícios artísticos adequadamente escolhidos pelo terapeuta para cada idade, sintoma ou temperamento.

Simoni Rodrigues Alves coordena e atua em todas as atividades do TEAR – Psicologia e Arte. É psicóloga formada pela UFMG, comunicadora visual pela FUMA e tem várias outras formações na Antroposofia.

Quem sou

Simoni Rodrigues Alves - Psicóloga

​Eventos

O TEAR promove encontros entre os alunos, os clientes, seus familiares e ainda outros abertos ao público em geral.
 
São possibilidades da arte se expandir, colorir e aquecer a alma das pessoas. Momentos preciosos de alimentar nossa força de vida, tão pouco estimulada nesta época fria e intelectual de hoje.

Simoni Rodrigues Alves - Psicóloga
Tear Psicologia e Arte

Entre em contato conosco e saiba mais sobre a Terapia pela Arte e os cursos que oferecemos

Contato

Galeria

Links

Informações, vídeos e outros assuntos

tear@psicologiaearte.com.br

Rua Tobias Moscoso, 153 - Casa 3 - Santa Lúcia/BH
(31) 3284-0425

Insta

Sobre o Tear

O TEAR - Psicologia e Arte - é um espaço onde a arte é utilizada como instrumento para desenvolver, de forma integrada e consciente, o nosso Pensar, o nosso Sentir e o nosso Agir no mundo.
​​​​​​​
Um  consultório terapêutico diferente, com ar livre, céu, luz, tinta, barro, pincel e papel, aconchego e entusiasmo.

Simoni Rodrigues Alves - Psicóloga

Para quem

Para crianças, jovens e adultos que necessitam de uma ajuda terapêutica mais sensível e calorosa, menos racional, em que imagens, cores, formas e movimentos têm mais força que as palavras. Ou também para aqueles que queiram simplesmente se utilizar da arte como caminho interno de autodesenvolvimento.

Simoni Rodrigues Alves - Psicóloga

Para nos mantermos saudáveis em todos os níveis – físico, vital, emocional e da consciência - num mundo demasiado virtual e insensível como o de hoje, é fundamental o contato verdadeiro com aquilo que mais nos humaniza: a sutileza e a beleza da Arte.
​​​​​​​
Trabalhar com as forças criativas que habitam em todos nós, mesmo que por vezes ocultas ou adormecidas, é harmonizante e pode também ser muito terapêutico.

Mas saber como despertar essas forças, como desenvolvê-las, como torná-las um medicamento para todo o Ser, isso é tarefa específica da terapia pela arte.
​​​​​​​
Cultivar a arte pode tocar a nossa alma.
Fazer arte, conduzida de forma terapêutica, pode transformá-la.

​​​​​​​

Simoni Rodrigues Alves - Psicóloga